Publicidad

A tendência da Focus

Your ads will be inserted here by

Easy Plugin for AdSense.

Please go to the plugin admin page to
Paste your ad code OR
Suppress this ad slot.

O destaque do dia ficou por conta do boletim Focus, revelando que a estimativa dos analistas para inflação (IPCA) em 2010 variou, passando de 5,64% para 5,61%, no entanto, elevou o prognóstico para a taxa em 12 meses, 4,76%. Para 2011, a taxa permaneceu em 4,80% pela nona semana consecutiva.juros (1)

Em relação à taxa básica de juros (Selic), os analistas mantiveram pela sétima semana seguida as apostas para a Selic deste ano em 11,75%.

Já para o próximo ano, a expectativa cresceu de 11,50% para 11,75%. Já a estimativa para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) em 2010 passou de 6,60% para 6,99%. Já para o próximo ano, a estimativa de crescimento ficou estável, em 4,50%, pela 27ª semana consecutiva.

A equipe econômica revisou mais uma vez para cima a projeção para o PIB brasileiro em 2010. A projeção anterior era de 6,5% no acumulado no quarto trimestre, porém, frente os dados do PIB divulgados recentemente – e revisados para cima pelo IBGE,  prognosticando o PIB de 7,2% em 2010.

Economistas comentam que diante de uma atividade mais forte a curva de juros futuros vem mostrando que o mercado está precificando um ciclo mais forte de aumento na taxa Selic, fixada em 9,50% ao ano. Até o mês passado muitos analistas, economistas acreditavam em um ciclo menor de alta de juros, no entanto, nestes últimos dias este sentimento foi revertido. "A curva embute mais três altas de 0,75 ponto percentual na Selic", disse um operador de renda fixa.
As atenções nesta semana ficarão voltadas para a ata da última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) que será divulgada na quinta-feira.

Publicidad