Publicidad

Advertem que Brasil corre perigo de ser vítima de uma enorme bolha financeira.

Your ads will be inserted here by

Easy Plugin for AdSense.

Please go to the plugin admin page to
Paste your ad code OR
Suppress this ad slot.

O volumoso ingresso de capitais que registra o país, não tem miras de se reduzir, muito pelo contrario, em vistas da Organização do Mundial de Futebol de 2014 e os Jogos Olímpicos, se prevê que aumentem de forma substancial.

Advertem devido ao comportamento que se tem visto nos mercados ultimamente que o Brasil corre o risco de ser vítima de uma enorme bolha financeira.

A economia brasileira se converteu num grande centro de atenção dos economistas e investidores já faz muito tempo. Não por nada, ingressam neste país miles de milhões para realizar qualquer tipo de investimentos.

A Bolsa de São Paulo, o Bovespa, se converteu num dos mercados mais requisitados da região, do mesmo jeito que tem os investimentos diretos.

Em paralelo, as altas taxas de juros que pagam os bancos pelos seus depósitos, combinadas com a apreciação da moeda, são um imã irresistível para muitos investidores adversos ao risco.

Estimações oficiais consideram que Brasil, recebeu mais de 26.000 milhões em 2009, a maior cifra desde que se começou a realizar a estatística em 1994, com o conseguinte impacto na cotação da moeda.

Como conseqüência deste ingresso, a divisa se apreciou desde os 2,328 reais por dólar em 2007, ate os 1,74 reais, em fins de 2009, a pesar dos insistentes esforços do Banco Central por esterilizar os volumes crescentes de dólares.

Brasil tem uma moeda que tem se fortalecido e por fora das eleições presidenciais, se espera que o rumo da economia não mude.

No caso particular do Bovespa, se gera uma espécie de círculo virtuoso, já que ao se incrementar as cotações, somam-se novos investimentos, que pela sua vez retro alimentam o círculo.

Dois dos maiores êxitos da administração Lula, foi a obtenção das sedes para organizar o Mundial de futebol e as olimpíadas em 2014 e 2016 respectivamente.

Your ads will be inserted here by

Easy Plugin for AdSense.

Please go to the plugin admin page to
Paste your ad code OR
Suppress this ad slot.

Causa disto e que se aguarda um ingresso massivo de divisas desde o exterior para as obras necessárias para ambos eventos.

So para 2010 se espera que o investimento estrangeiro no pais se dispare um 47% até alcançar os 38.000 milhões de dólares, segundo um relevamento feito pelo Banco Central.

O ministro da fazenda do Brasil, Guido Mantega, sosteve que o real inevitavelmente vai continuar fortalecido, já que a economia do país se mantem sólida, mas advertiu sobre o risco de uma apreciação excessiva.

Uma moeda forte faz as exportações brasileiras menos competitivas. O fundo de riqueza soberano também influi sobre o tipo de cambio porque pode ser utilizado para comprar dólares, agregou Mantega.

O elevado ingresso de capitais e o e o temor da bolha financeira

“Os altos preços das matérias primas e a onda de fluxos de capitais supõe a maior ameaça no longo prazo para as economias da América Latina e em especial para Brasil.

O problema para a região e como administrar a abundancia e não ficar tonto, afirmou Nicolás Eyzaguirre, diretor do Departamento do Hemisfério Ocidental do FMI.

“Devemos ser cautos sobre as potenciais bolhas que apareçam, porque elas vao começar crescer muito rápido” agregou o funcionário.

Eyzaguirre falou que o auge das exportações de matérias primas e as baixas taxas de juros globais gerem sobre-preços de ativos desestabilizando o setor inmobiliario e o de serviços ligados as atividades de importação.

“O que e crucial para evitar a bolha são as regulamentação prudente”, comentou, agregando que os países precisam manter um olho sobre as exposições em instrumentos derivados, taxas de juros no curto prazo e moedas”.

O diretor gerente do FMI, Dominique Strauss-Kahn, alertou também que Brasil, junto aos outros paises emergentes, corre risco real de sofrer uma bolha no preço de seus ativos, pela avalanche de dinheiro externo.

O próprio presidente do poderoso Banco Nacional de Desenvolvimento BNDES, que é um órgão do Ministério de Indústria, Luciano Coutinho, também considerou que Brasil pode sofrer um aquecimento al estilo da China.

Coutinho considerou sua preocupação de que a economia cresça demais neste ano, mais por cima do 5% que tem colocado o governo como objetivo.

Fausto Spotorno, economista de Orlando Ferreres & Associados, falou que “a bolha pode se gerar pelo excesso de liquidez que existe nos mercados, já que os fundos se orientam para os paises que não estão em recessão.

Publicidad

3 responses to “Advertem que Brasil corre perigo de ser vítima de uma enorme bolha financeira.

  1. Olá me chamo Ivonne moro na espanha a 14 anos,sou casada e tenho uma filha de 5 anos,o nosso sonho é irnos morar no Brasil. agora mesmo se vê fala muito bem da nossa boa economia, eu acompanho nas noticias sobre os invertimentos extranjero ai, fico muito feliz porque acho que a nossa AMADA PÁTRIA, o nosso POVO merece, depois de tanto sofrimento. Acho que os expertos na ária tem que começar fazer algo desde agora mesmo para nao deixar chegar em nossa boa economia essa tal BOLHA financeira. Como o que está passando aqui na Espanha que por causa da CRIS, e tambem a bolha IMOBILIARIA o país está aruinado total e absoluto.O motivo que eu deixe este recadinho é para pedir a todos expertos na ária, que nao deixe passar ISTO, nao tire da boca dos BRASILEIRO aquilo que eles nem saboriaram ainda, muito OBRIGADA por dar-me a oportunidade de expor parte dos meus sentimentos, eu amo essa terra querida, um abraço.Ivonne Queiroz

  2. Ivonne, muito obrigada pelo seu comentario, tomara que nada de ruim aconteça com uma economia que merece ser a mais destcada no mundo nos proximos 20 anos pra frente. Mas esse assunto de bolhas financeiras e perigoso mesmo, porque nao depende mas das idas e vindas de capitais que especulam com os ganhos. O brasil tem uma politica estrita no que diz respeito a capitais especulativos desses que arruinam economias inteiras. Mas tudo deve depender de todos os setores industriais e por sobre tudo os financeiros para nao se deixar seduzir por dinheiro facil e rapido dessas pessoas de fora que vem, investem e logo quando os numeros ja nao sao tao vantajosos, tiram de repente todo o dinheiro e la se explode tudo, assim como vc menciona da Espanha.
    Pelo que parece a policita economica do brasil esta certa no caminho que va, e as medidas legais e regulatorias existentes para evitar esses capitais ir e vir a piaccere, tambem parecem as adequadas, mas voce sempre corre o risco de deparar com algum ou alguns politicos pouco eticos que assinam e votam enmendas legais para privilegiar so uns poucos brasileiros ou estrangeiros. Somos todos que temos de evitar o ruim acontecer, o povo, escolhendo bem quem vai nos governar, logo os governantes escolher bem quem vai comandar o ministerio de economia e meter mais o nariz mesmo nas atividades particulares de grande movimiento de dinheiro, para ver de perto e controlar bem.
    Um abraço y muito obrigada pelo seu comentario e volte sempre.
    Pablo

Comments are closed.