Publicidad

TR Taxa no nível mais baixo desde sua criação

A Taxa Referencial nunca esteve num nível tão baixo desde que foi criada, há quase 20 anos . O índice deve fechar o ano em torno de 0,6, abaixo do registrado no ano 2009, que foi de 0,709, apesar de a inflação ter sido maior.

A baixa correção favorece quem fez financiamento imobiliário, mas prejudica quem guarda seu dinheiro e os trabalhadores com conta no FGTS.

A taxa leva em consideração a média da remuneração dos certificados e recibos de Depósitos Bancários (CDBs e RDBs). Essas aplicações financeiras são normalmente rentáveis, o que não acontece com a TR desde meados de 1999, quando ela começou a perder da inflação.

A alegação do Banco Central é de que há um fator redutor no cálculo, que é proporcional à Selic. A taxa básica da economia também remunera as aplicações levadas em conta, mas a redução cria abismo entre o que recebe um aplicador normal e aqueles que são afetados pela TR.

Publicidad